Portal da Cidade Santa Rita do Sapucaí

Menos burocracia

Proprietários de veículos registrados em Minas já podem imprimir o CLRV em casa

Novidade já está disponível no site do Detran-MG e o modelo impresso em papel, no formato A4, terá a mesma validade jurídica do CRLV digital (CRLV-e)

Postado em 15/08/2020 às 18:13 |

De acordo com o diretor do Detran-MG, delegado Kleyverson Rezende(esq), a partir do próximo ano, a impressão do CRLV em papel moeda será descontinuada em todo o país (Foto: DetranMG/Imprensa)

Os proprietários de veículos registrados em Minas Gerais agora podem imprimir o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) em casa. A novidade já está disponibilizada pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), desde quarta-feira (12), no site do Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG). 

Para acessar e imprimir o CRLV, o proprietário precisa ter quitado os débitos do Imposto de Propriedade de Veículo Automotor (IPVA), do seguro obrigatório, da Taxa de Renovação do Licenciamento Anual do Veículo (TRLAV) e eventuais multas. O veículo também não pode ter restrições judiciais ou administrativas que impeçam a emissão do documento.

O modelo impresso em papel, no formato A4, terá a mesma validade jurídica do CRLV digital (CRLV-e), disponível desde o ano passado no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT). A conferência de autenticidade do documento será realizada pelas autoridades por meio da leitura do QR-Code, com o aplicativo Vio, mesmo sem acesso a internet.

De acordo com o diretor do Detran-MG, delegado Kleyverson Rezende, a partir do próximo ano, a impressão do CRLV em papel moeda será descontinuada em todo o país. “A possibilidade de imprimir o documento em papel comum ou utilizar a versão digital acarreta em menos burocracia e promove celeridade e comodidade para os cidadãos”, afirma.

Como imprimir o CRLV

A impressão do CRLV pode ser feita diretamente neste site, na aba veículos. Para acessar o documento, basta informar a placa do veículo, o número do Certificado de Registro do Veículo (CRV), o Renavam e, por fim, o CPF ou CNPJ. A impressão deverá ser de boa qualidade, em papel sulfite branco e no formato A4, com tinta preta, em página única, possibilitando a leitura do QR-Code.

O documento pode ser impresso a qualquer momento e quantas vezes forem necessárias. O serviço também está disponível no portal do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) ou por meio do aplicativo CTD, para aparelhos com sistema Android e IOS.

Clique aqui e confira vídeo com orientações do delegado Kleyverson Rezende.

Fonte:

Receba as notícias de Santa Rita do Sapucaí no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Mais Lidas